Processos chatos primeiro, criatividade depois


Algumas vezes as pessoas me procuram para ajudá-las a se organizar, melhorar alguns hábitos e para perguntar o que eu acho sobre o fator essencial no dia a dia de uma empresa para que tudo flua e não seja uma “correria” diária.

Normalmente a expectativa é que eu responda coisas do tipo: “tenho uma planilha incrível pra você”, “existe um método maravilhoso pra isso”, “você precisa contratar mais gente”, “podemos fazer um brainstorming”.

Mas não.

O que eu acredito é que as rotinas básicas importam, é ter uma rotina que tenha um tempo para pensar, e que isso seja - como o próprio nome diz - rotineiro.

Simples, chatice, né?

É porque tudo isso é chato mesmo. São atitudes simples, que todos nós temos capacidade para fazer, mas por julgarmos “comum” não damos valor. Mas talvez essas rotinas sejam comuns por um motivo: são as rotinas que realmente importam.

O simples importa. O simples é a base, é a estrutura de uma organização, uma vez superado isso, avance para as próximas casas do jogo. E isso não significa matar sua criatividade, ou a graça toda do negócio. Muito pelo contrário, uma vez que você organiza a casa, prepara o terreno, você tem espaço e tempo de sobra para ser criativo na áreas que demandam criatividade, porque o “restante” está sob controle e você consegue focar sua mente de verdade para ser mais criativo.

Em resumo é uma questão quase contrária a lógica: assuma uma rotina comum e como consequência, abra espaço para a criatividade na sua empresa.

#negocios #empreendedorismo #rotina #reflexão

9 visualizações

contato

  • Instagram
  • YouTube
  • Facebook
  • LinkedIn - Black Circle

@     yasmin@ykbsconsultoria.com.br

t       +55 47 996-763-636

CNPJ 27.428.305/0001-55

Termos de uso e serviço

Copyright 2019 - YKBS ®

Todos os direitos reservados